Provas de vinhos – Depois do Dão, agora também em Lisboa, pela mão de Julia Kemper

Enoturismo, encontros vínicos e provas de vinhos. Experiências que se tornam divinas e inesquecíveis quando a vinhos de exceção se juntam boa conversa, histórias e paixão. Por isso, e muito mais, provas de vinhos em Lisboa têm um nome obrigatório: Embaixada Julia Kemper Wines.

Uma experiência que faz sentido a todos os sentidos

Uma prova de vinhos, ou antes, uma boa prova de vinhos é uma experiência única, que fica para a vida. Ela é, e assim deve ser, um feliz encontro de múltiplas partes: bons vinhos, vontade de aprender coisas sobre o vinho, a terra e sobre quem a eles se dedica em exclusivo, e ainda um palato, mais do que entendido, curioso por novas experiências. A descoberta de toda esta envolvência em torno do vinho, onde paladares, história e uma boa conversa confluem para uma experiência plurissensorial, não são alheios ao novo e crescente interesse por este universo que nasce singelamente num cacho de uvas, numa parcela de terra e que atrai, hoje, gente de todas as idades. Pessoas comprometidas com os simples prazeres da vida, aqueles que se prendem ao fascinante imediatismo dos sentidos, mas que buscam o porquê das coisas. Uma nova massa crítica que aprecia a produção biológica, que valoriza a vitivinicultura sustentável e biodinâmica e que exige proximidade com quem produz. Ciente das exigências desta reunião de entidades, da necessidade de um ambiente requintado e propício, Julia Kemper juntou-lhe a sua vontade de criar espaços desenhados exclusivamente para este propósito, onde tudo isto, e muito mais, fosse possível.

Anatomia de um passado de paixão

Começou por abrir as portas da sua adega, em Oliveira-Mangualde, em pleno e encantatório Dão, datada de 1850 e onde tudo começou, numa família secularmente ligada ao vinho e à sua produção, e que é já local de referência de um enoturismo elegante e de exceção. Um lugar de magia e alquimia onde nascem os vinhos Julia Kemper e onde se desnudam os tradicionais processos de produção, paredes meias com a generosa terra que tudo torna possível. Um lugar, ainda, de histórias e paixões alinhavadas, todas elas, no tecido e ADN familiares, onde sangue e vinho não distam assim tanto. Uma viagem obrigatória!

Há bem menos tempo, e com um outro perfil, mais urbano, estendeu a experiência vínica à Embaixada Julia Kemper Wines, no histórico bairro lisboeta do Príncipe Real, onde a aposta recai numa orgulhosa representação do Dão, uma das regiões demarcadas que mais se alonga no passado. Um lugar que se adjetiva de ‘amigo’, já que visa acolher entendidos, curiosos, clientes e aventureiros, num ambiente acolhedor onde, a par da degustação dos muito celebrados e premiados vinhos Julia Kemper, se fica ainda a conhecer a sua filosofia, os seus métodos e processos e o amor que dedica ao que faz. Conversa da boa, alimentada pela paixão comum pelo vinho e acompanhada por queijos, enchidos e muitas outras iguarias da cozinha nacional concebidas pelos chefs da Embaixada. Satélites de enorme importância que gravitam em torno de vinhos selecionados das castas típicas da região, onde touriga nacional, tinta roriz, alfrocheiro e jaen, malvasia fina e encruzado são soberanas. Razão pela qual provas de vinhos em Lisboa, passam obrigatoriamente pela Embaixada.

Brindar à vida e aos amigos

O melhor de tudo é que a Embaixada permite desenhar eventos à medida, à sua medida. Encontros, programas vínicos e outros eventos privados, desde comemorações empresariais a festas de aniversário ou celebrações de noivado. Tem uma ideia, deseja algo especial? Basta que o comunique e a equipa da Embaixada trata de o tornar realidade. Seja qual for a ocasião ou o propósito, o brinde contará sempre com a deliciosa acidez, frescura, elegância e textura ímpar dos vinhos Julia Kemper, naturais e biológicos. Imperdíveis, naturalmente!


Gostou deste artigo? Partilhe-o com os seus amigos!

Deixe um comentário

Scroll to Top